Marcha contra corrupção deve movimentar desfile de 7 de setembro

(Dyelle Menezes – Contas Abertas)
 

– Em diversas cidades brasileiras, o desfile de amanhã (7), não será marcado apenas pelas apresentações civis e militares, que tradicionalmente celebram a independência do Brasil. Há alguns dias, nas mídias sociais, os cidadãos brasileiros se mobilizam para a “Marcha Contra a Corrupção”, que pretende alertar o cidadão brasileiro sobre a gravidade da corrupção generalizada no setor público e privado. O intuito é mudar a cultura brasileira de indiferença ao problema.

O protesto foi organizado diante das recentes denúncias de corrupção ocorridas nos ministérios dos Transportes, Turismo e Agricultura. Contudo, a grande adesão da sociedade ocorreu depois que a deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF) se livrou do processo de cassação do mandato. Na ocasião, a Câmara dos Deputados, em votação secreta, absolveu a parlamentar da acusação de participar do esquema de propina no governo do Distrito Federal, apesar de um vídeo evidenciar o fato.

“A manutenção do mandato da deputada fez o nosso movimento explodir. Sabemos que nem todos que confirmaram presença vão poder ir, mas esperamos reunir pelo menos dez mil pessoas no protesto”, conta o empresário Walter Magalhães, de 28 anos, que com mais duas amigas organiza a marcha em Brasília.

O principal desfile do País acontece em Brasília e deve reunir cerca de 50 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, ao custo de R$ 900 mil. Os organizadores prometem que o protesto será um ato pacífico, apartidário e que não vai atrapalhar o desfile. A ideia é seguir em passeata até o mais próximo possível do palanque, onde ficarão os políticos que vão assistir à Parada Militar de 7 de setembro. Veja matéria

“Só queremos mostrar a nossa indignação. E conscientizar que também somos responsáveis pelo alto índice de corrupção no país”, ressalta Walter, que também pede que os manifestantes vistam roupas pretas ou nariz de palhaço, e não carreguem bandeira de nenhum partido.

A Marcha Contra a Corrupção na capital federal já tem mais de 20 mil adesões nas redes sociais e está marcada para às 10h, no Museu Nacional. Segundo a organização, o evento será um marco e reunirá mais de 100 mil participantes em cidades de todo o Brasil.

Projetos contra corrupção parados no Congresso

Em entrevista ao Contas Abertas em meados de junho, o deputado federal Francisco Praciano (PT- AM), coordenador da Frente Parlamentar Mista de Combate à Corrupção afirmou que as 116 proposições legislativas que visam combater a corrupção encontram-se paradas no Congresso Nacional. A maioria tramita há mais de 10 anos, algumas estão prontas para irem à votação, mas continuam engavetadas nos gabinetes.

Segundo Praciano, é preciso fazer exatamente o que a Marcha Contra Corrupção pretende, cobrar atitude dos parlamentares e movimentar a sociedade e a imprensa, de forma a aumentar a pressão e agilizar a votação do projetos.

“No Congresso, se a proposição não tiver impacto imediato ou chamar a atenção de movimentos sociais, cai no esquecimento e tem tramitação lenta. Precisamos motivar os membros da Casa a participarem da Frente de Combate à Corrupção, e assim mostrar a importância dos projetos e o prejuízo que a corrupção traz ao país”.

O deputado lembrou ainda que o levantamento da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) divulgou que, anualmente, o País perde de R$ 45 bilhões a R$ 70 bilhões por conta da corrupção. “Esse dinheiro é da sociedade, é do povo”, afirmou o parlamentar.

Confira entrevista na íntegra

2 comentários em “Marcha contra corrupção deve movimentar desfile de 7 de setembro

  1. Saudações!
    Amigo FREI:
    Você está de parabéns por divulgar tão importante acontecimento cívico. O qual, mesmo aqueles que não podem estar presentes, devem fazer o trabalho pessoal de conscientização e, em sendo possível, também dar o grito de alerta, mas, não somente amanha e sim todos os dias.
    A começar, se possível, dando o corretivo quando se assiste alguém alterando o peso da balança da esquina. Tendo conhecimento do ilícito, mesmo aqueles favores que visem benefícios incorretos, até mesmo ensaiar furar uma fila em prejuízo aos demais. E isso tudo meu amigo, deve começar por casa. Rechaçando veementemente qualquer insinuação ao favorecimento do sistema de votação em qualquer eleição. Se existe o corrupto é porque o corruptor deve se encontrar em qualquer lugar e isto é uma chaga social, cujo montante de frutos decorados com o doce sorvete corrupto, só dará prejuízo ao povo brasileiro.
    Parabéns por mais um excelente Post!
    Abraços,
    LISON.

    Curtir

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s