E aquela viagem para Caracas, Lula?

Coturno Noturno

Em junho de 2011, aboletado no jatão da Odebrecht, Lula foi para Cuba acertar mais contratos e para a Venezuela cobrar uma dívida de U$ 800 milhões do seu amigo Chávez, que estava iniciando um calote contra  a construtora brasileira. A Odebrecht faturou bilhões durante os dois mandatos de Lula, comprou ativos da Petrobras a preço de banana para formar a poderosa Braskem, recebeu outras centenas de milhões do BNDES e, é obvio, doou milhões para o PT. É este Lula que nunca teve o mínimo decoro e a mínima decência na hora do toma-lá-dá-cá que quer pressionar um ministro do STF? Somente a relação de Lula com a Odebrecht já mereceria uma CPI. Por isso os seus lacaios estão querendo confronto e ameaçando a população. O Brasil não é a Venezuela e jamais será.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s