Galvão porque não te calas?

Cala a boca Galvão. Faz silêncio senão a juíza não deixa a prova de natação olímpica começar.

Bueno pro bem ou pro mal não tem freios na língua. Incomodou desde a direção do evento – atrasando o início da prova – até um reporter da britânica BBC, o qual emitiu o seguinte juízo: “O colega perto de mim precisa calar a boca durante a largada. Desculpem, todo mundo aqui está quieto durante a largada, a árbitra fez a coisa certa”.

freiconvento

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s